Campervan: o jeito mais fácil e prático de se viajar na Nova Zelândia

Quando vim pra Nova Zelândia eu não tinha nenhum plano além de chegar aqui, arrumar um trabalho e conhecer as belezas desse país. Acontece que nem sempre as coisas fluem como a gente espera, e como um viajante(e não turista) você deve estar sempre preparado pra mudar os planos(e as vezes precisar de $$ pra isso) e deixar a estrada e os bons ventos te levar.

Nesse cenário de incertezas, eu apenas tinha um pensamento: preciso viajar pela Nova Zelândia de forma barata, conhecendo pessoas legais pelo caminho e vivendo experiências únicas que eu pudesse levar pro resto da vida. Impossível? Se você ficar sentado o dia inteiro esperando que as soluções caiam no seu colo (ou venham sempre do seu agente de turismo) eu diria que sim, é impossível. Mas se você é como eu, e acredita na força de vontade e principalmente no ser humano, sabe que a resposta é NÃO!

Viajar na Nova Zelândia utilizando meios de transporte como ônibus e avião pode sair muito caro na maioria das vezes, principalmente se você não planejar com antecedência, sem contar que muitas vezes pode ser um pouco entediante. Além disso, o país é seguro, muito bem sinalizado, as pessoas são solicitas e possui uma cultura mochileira muito grande. Junte tudo isso com o fato que se pode comprar um carro relativamente bom por um preço bem acessível e ao mesmo tempo o aluguel não compensa.
Ficou com vontade de comprar um carro, dirigir por ai e colocar um monte de gente desconhecida dentro dele? Eu não sei você, mas eu não pensei duas vezes!

Na Nova Zelândia é muito comum ver outros viajantes vendendo seus carros após rodarem o país todo, encorajando essa prática já que o número de carros no mercado é grande. Existem mercados exclusivos para a venda de carros para mochileiros nas grandes cidades, conhecidos como Backpacker Car Market, além de classificados online como TradeMe, GumTree, Backpacker Board e também os murais existentes nos albergues por todo país. Na prática você consegue encontrar um bom carro em torno de $2000 – $4000 (R$4000 – R$8000) e se você pesquisar bem os reparos necessários serão mínimos ou até inexistentes, e outra coisa que ajuda muito é a falta de burocracia: basta ir em qualquer agência do correio, preencher um formulário com seus dados e os do vendedor e o carro já é legalmente seu!

No meu caso, um amigo e eu compramos um Mazda MPV ano 98 com 160.000 KM rodados por $2700 de um casal israelense que já tinha feito sua viagem e estava doido pra voltar pra casa. Após gastar uns poucos dólares em pequenos reparos, estávamos prontos pra pegar a estrada.
campervan jeito mais facil pratico viajar nova zelandiacampervan jeito mais facil pratico viajar nova zelandiaO carro é grande o suficiente para viajar em 7 pessoas, mas como temos muita bagagem normalmente limitamos em 4, o que já ajuda bastante na hora de rachar a gasolina. Outro fator positivo é o tamanho do bagageiro: além de caber bastante coisa, se você colocar tudo nos bancos da frente e deitar os bancos traseiros da pra fazer uma cama!

Basicamente viajamos com ele cheio mesmo, tentando encontrar pessoas para viajar juntos nos albergues por onde passamos e nos encontros de Couchsurfing nas maiores cidades.
campervan jeito mais facil pratico viajar nova zelandiaAs estradas são todas muito bem conservadas e sinalizadas, e praticamente todas elas são asfaltadas. A única dificuldade inicial foi se adaptar à mão inglesa, onde se dirige no lado esquerdo da pista, mas depois de um tempo você se acostuma.

Há uma grande controvérsia sobre dormir no carro ou acampar em lugares públicos na Nova Zelândia, conhecido como Freedom Camping. Pelas leis vigentes esta prática é proibida em lugares demarcados como tal, mas nada se diz a respeito de outros lugares. De qualquer forma é sempre mais barato pagar por um camping ou um lugar pra estacionar e dormir dentro do carro ao invés de pagar por um hostel, por exemplo.

Por isso, as vezes acampamos…
camping…outras vezes dormimos dentro do carro…
campervan jeito mais facil pratico viajar nova zelandia…e geralmente fazemos nossa própria comida nas paradas, pois também é bem mais barato assim.


Sem dúvida os momentos mais divertidos são exatamente quando se tem que procurar um lugar pra dormir e cozinhar; fazer do carro seu meio de transporte e casa. Acredite ou não, as melhores experiências acontecem quando você deixa sua zona de conforto!

Post Anterior
Próximo Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »