Working Holiday Visa na Nova Zelândia: O que é e como aplicar

Poucos pessoas sabem, mas existe um visto especial que permite cidadões de todo o mundo viajar, estudar e trabalhar na Nova Zelândia pelo período de um ano.

Já se imaginou morando, trabalhando e viajando na Nova Zelândia? O Working Holiday Visa (ou Visto de férias e trabalho) na Nova Zelândia é um visto especial que dá direito a pessoas de várias nacionalidades a viajar, trabalhar e estudar no país pelo período de até um ano.

Este visto é resultado de um acordo entre os governos da Nova Zelândia e outros países, e o número de vagas, tempo máximo permitido e requerimentos varia de acordo com a relação diplomática entre eles. Para o Brasil, por exemplo, são 300 vagas anuais e muita burocracia, já Argentina e Chile tem direito a 1000 vagas por ano, enquanto países como Estados Unidos, Suécia, Alemanha e Reino Unido têm vagas ilimitadas e o processo é mais simples.
working holiday visa nova zelandiaDevido à longa duração do visto e grande oferta de empregos em todo o país, o Working Holiday Visa na Nova Zelândia é uma excelente alternativa ao famoso intercâmbio no exterior, uma boa opção para quem deseja ter uma experiência de vida em outro país ou até mesmo para aqueles que querem tirar um ano sabático e conhecer as maravilhas naturais do país.

Para conseguir o tão sonhado visto, alguns requerimentos precisam ser atendidos e certos procedimentos devem ser feitos:

1. Requerimentos

Os requerimentos variam de acordo com o país de origem. Para o Brasil os requerimentos são:

  • Possuir um passaporte brasileiro com validade de no mínimo 3 meses após a data de partida da Nova Zelândia;
  • Ter entre 18 e 30 anos;
  • Não trazer filhos para o país;
  • Ter uma passagem de saída do país no período de um ano ou possuir dinheiro suficiente para comprar a passagem de volta;
  • Possuir no mínimo NZ$4,200 para custear sua estadia na Nova Zelândia, caso a Imigração solicite;
  • Pagar a taxa de visto específica;
  • Possuir seguro médico e de internação compreensivo válido por toda a estadia na Nova Zelândia;
  • Estar saudável: É necessário realizar exame de Raio-X para completar a aprovação do visto;

2. Como aplicar

Todo o processo é feito online, e para países com vagas limitadas mais regras se aplicam. Abaixo seguem o passo-a-passo de como aplicar para o Working Holiday Visa como cidadão brasileiro:

  • Criar uma conta de usuário no site da Imigração da Nova Zelândia;
  • Verificar em que dia as inscrições para o Brasil se abrem, que se dá sempre nos primeiros dias do mês de Setembro. Você pode conferir o status aqui.
  • ESTE É O PONTO MAIS CRÍTICO: Como as vagas são limitadas em 300 por ano o preenchimento do formulário deve ser feito muito rápido pois as vagas acabam em 20 minutos! Recomenda-se estar logado no website 10 minutos antes com uma boa conexão com a internet e ter todos os documentos em mãos, como passaporte e um cartão de crédito internacional para se pagar a taxa de NZ$165. Recomenda-se também uma compreensão da língua inglesa para agilizar o preenchimento do formulário.
  • Uma vez preenchido o formulário e pagado a taxa você irá receber um email da Imigração da Nova Zelândia contendo as próximas instruções.
  • Para cidadãos brasileiros é necessário apresentar um exame de Raio-X do tórax e exame médico geral, que devem ser em inglês e feito por algum médico autorizado. Todos os médicos na Nova Zelândia são considerados autorizados e caso esteja aplicando do Brasil, confira a lista de médicos autorizados aqui.
  • Com os exames médicos em mãos, basta enviá-los à Imigração da Nova Zelândia. Até 2014 era necessário enviá-los fisicamente pelos correios, mas à partir de 2015 será possível enviá-los através do portal do usuário no site da Imigração.
  • Se todos os exames médicos estiverem bons você receberá um email confirmando o sucesso da aplicação e com o Working Holiday Visa anexado.

3. Chegando no país

Caso já esteja na Nova Zelândia com outro visto a atualização será automática, mas se você estiver vindo de outro país você deverá trazer seu Working Holiday Visa impresso, bem como os comprovantes de passagem aérea de retorno ou saída do país e a comprovação financeira de NZ$4,200, que pode ser feita em espécie, cartão de crédito internacional, travelers cheque ou extrato bancário, além do seguro de saúde.

No vídeo abaixo o especialista Fernando Bazan do portal www.gobrazilian.com.br dá mais dicas de como obter o Working Holiday Visa na Nova Zelândia.

Uma vez com o Working Holiday Visa validado, é só curtir tudo que a Nova Zelândia tem a oferecer. Boa sorte a todos!

Post Anterior
Próximo Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »